Poupança

  • pouA manutenção da taxa básica de juros consolida a poupança como um investimento mais atrativo que a maioria dos fundos de investimento de renda fixa, em especial aqueles com taxas de administração mais altas, de acordo com simulações feitas pela Anefac (Associação Nacional dos Executivos de Finanças, Administração e Contabilidade).
  • credtOs financiamentos imobiliários com recursos da poupança somaram R$ 4,93 bilhões em julho, segundo dados da Abecip, associação das instituições que atuam no setor. O número encolheu 10,3% em relação a junho, mas cresceu 16,2% na comparação com julho do ano passado.
  • rpediimobO volume de financiamentos imobiliários com recursos da poupança atingiu R$ 5,67 bilhões em agosto, o melhor desempenho do ano. O dado foi divulgado nesta quinta-feira (27/9pela Abecip, associação das instituições que atuam no setor, e mostra crescimento de 15% em relação a julho e de 28,3% frente a agosto do ano passado.
  • fundospoupançaOs fundos de investimento em renda fixa com taxas de administração superiores a 1% continuarão a perder competitividade para a poupança. O movimento acontece tanto em cenário de manutenção quanto de redução da taxa básica de juros (Selic).
  • planopoupaO calendário de adesão ao acordo de perdas provocadas nas cadernetas de poupança pelos planos econômicos Bresser (1987), Verão (1989) e Collor 2 (1991) terá uma nova fase a partir desta quarta-feira. Desta vez, podem aderir os poupadores nascidos entre 1944 e 1948 que entraram com ação na Justiça pedindo a correção de aplicações na poupança.
  • kjhgfPelo quinto mês consecutivo, a caderneta de poupança teve captação líquida positiva. A poupança registrou ingressos líquidos de R$ 3,748 bilhões em julho, segundo dados do Banco Central. Em julho do ano passado, os depósitos superaram as retiradas em R$ 2,336 bilhões. No ano, a poupança já acumula uma captação líquida de R$ 11,097 bilhões.
  • ddddddwwwwNo primeiro semestre, firmou-se a tendência de recuperação dos depósitos de poupança, permitindo que, na maioria das instituições, a oferta de crédito imobiliário possa atender com folga à demanda. Se a retomada do mercado imobiliário é insatisfatória, isto se deve, principalmente, ao temor das famílias de classe média de se endividarem para adquirir casa própria.
  • ddgbbbbbbPelo quinto mês consecutivo houve aumento, em julho, dos depósitos em cadernetas de poupança, indicando que as famílias se esforçam para recompor sua situação financeira, ampliando o colchão de recursos para emergências ou para realizar investimentos. Não se trata de recuperação acentuada, como costuma ocorrer em fases de rápida aceleração da economia em que emprego e renda se recompõem com vigor, mas de uma tendência saudável que poderá dar sustentação ao crescimento futuro.
  • pouabecipA poupança da Caixa Econômica Federal fechou o ano passado com captação líquida de R$ 8 bilhões e um total de 74 milhões de poupadores. Para o educador financeiro Rogério Braga, membro da Associação Brasileira de Educadores Financeiros (Abefin), com uma população de mais de 207 milhões de pessoas, há um amplo caminho para que a poupança cresça ainda mais no país.
  • poupA caderneta de poupança teve a maior captação de recursos para setembro desde o início da série histórica, iniciada em 1995. Os depósitos superaram os saques em R$ 8,541 bilhões no mês. Com o resultado, sobe para R$ 775,774 bilhões o total de recursos aplicados no investimento. Até agosto, estava em R$ 764,408 bilhões.
  • poupanca tem melhor resultado para meses de abril em cinco anosO ÚLTIMO SALDO POSITIVO DE ABRIL HAVIA SIDO REGISTRADO EM 2013
     
    O volume de depósitos na caderneta de poupança superou o de saques em R$ 1,237 bilhão em abril, de acordo com o relatório divulgado pelo Banco Central (Bacen) nesta segunda-feira (07/05). No total, foram aplicados R$ 182,6 bilhões, contra a retirada de R$ 181,3 bilhões. É o melhor resultado para o mês em cinco anos. O último saldo positivo de abril havia sido registrado em 2013, quando os depósitos superaram os saques em R$ 2,616 bilhões. Nos anos seguintes, o número de retiradas sempre foi maior.
     
    Com a soma do saldo positivo do mês e os rendimentos creditados nas contas dos investidores – que alcançaram R$ 2,787 bilhões – o estoque de valores depositados na poupança está atualmente em R$ 735,4 bilhões, cerca de R$ 4 bilhões a mais do que no final de março, quando o saldo registrou R$ 731,4 bilhões.
  • poupcccEm tempos de conta digital, de corretoras e robôs de investimento, sete em cada dez brasileiros ainda preferem deixar o dinheiro parado na caderneta de poupança a se “aventurar” por alternativas que, na ponta do lápis, mostram-se mais rentáveis – dentro e fora da renda fixa. O dado é de uma pesquisa feita pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e do SPC Brasil, em parceria com a Comissão de Valores Mobiliários (CVM).
 logo22
 
Os artigos e matérias assinadas nesta Revista Construção Civil & Mercado Imobiliário
são de responsabilidade dos seus autores.
Av Antônio Gouveia, 1113
Galeria Arte Pajuçara - sala 04
Pajuçara, Maceió
Alagoas CEP 57030-170

Tels: (82) 3185-5277 | 99974-8983
99946-8767 | 99689-44922

Siga-nos em nossas Redes Sociais

Copyright © 2017 Revista Construção Civil & Mercado Imobiliário.
Powered by Web na faixa.